É necessário contar tempo de estudo?

Muitos alunos querem fórmulas mágicas de quantas horas precisam estudar por dia. Ou querem se basear no horário de estudo de algum colega ou algum aprovado no mesmo concurso.

Já vi discussões a cerca de estudar 8, 10, 12 horas por dia. Até depoimentos de aprovados afirmando que estudavam 14 horas líquidas diariamente. É realmente necessário esse tipo de desgaste na hora de estudar?

A verdade é que cada pessoa tem seu próprio ritmo e recursos diferentes. Ambiente, concentração, material, disposição, todos esses fatores alteram a evolução do estudo.

Alguns alunos na primeira leitura conseguem absorver o conteúdo, outros precisam de mais tempo para alcançar um bom desempenho naquele assunto.

Cada pessoa tem seu próprio ritmo de estudo. O número de horas é personalizado, depende da quantidade de tempo que cada um tem disponível e do rendimento que consegue ter.

Isso não significa que não é necessário contar o número de horas que você estuda por dia. Há um ditado entre os administradores que diz “Medir é importante: o que não é medido não é gerenciado”.

Esse dito não poderia se encaixar melhor na situação, estudar exige planejamento, gerencia e organização. E só assim é possível identificar as possíveis melhorias.

Após mapear seu dia e planejar os horários que irá estudar, é importante que você registre, ou seja, conte as horas em que realmente está estudando. Verificando, assim, se está conseguindo cumprir com o planejado e se seu cronograma de estudos é realista.

Suponhamos que você tenha uma aula até às 16h e, a partir disso, considerou que conseguiria estudar a partir das 16:30, contando com deslocamento até em casa e tempo necessário para se preparar para estudar.

O que acontece na prática é que você chega em casa às 16:40 quase todos os dias e precisa de mais 20 minutos para tomar banho e estar pronto.

Ou seja, seu planejamento não está factível, realista, e o conteúdo que você programou para estudar entre 16:30 e 18h, por exemplo, acabará todos os dias com um prejuízo de meia hora. Isso pode atrasar o estudo e te prejudicar no final.

Quando mapeamos as horas em que realmente estamos estudando podemos identificar problemas e possíveis ajustes, como:

  • Matérias em horário inadequado ou pouco realista, causando um prejuízo nesse conteúdo;
  • O oposto também pode acontecer, você pode perceber que tem um tempinho a mais que não havia contado e acrescentar no seu cronograma;
  • Uma matéria pode estar evoluindo melhor que as outras, assim você pode diminuir a carga horária e ceder espaço para outros conteúdos nos quais esteja tendo mais dificuldades;
  • Entre outros ajustes.

 

Existem alguns aplicativos para celular que podem ajudar nessa medição e registro das horas de estudo, entre eles:

  • Aprovado – Gerencie Estudos
  • Estudometro
  • Hora dos Estudos

Tenha controle sempre do tempo que passa estudando, mas se preocupe ainda mais com a qualidade do estudo. Uma hora de estudo inteligente é bem mais efetiva que cinco horas de estudo desorganizado.

Procure estudar o máximo de tempo que tiver disponível, da forma mais produtiva possível. E assim certamente alcançará o resultado desejado.

VENHA ESTUDAR COM O MATEMÁTICA PASSO A PASSO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *